Mané Garrincha é favorito para sediar final da Copa Sul-Americana 2021

Depois de ficar fora da Copa América 2019, Brasília conquistou a Conmebol ao receber dois eventos da entidade em 24 horas

Casa de três jogos de ponta em cinco dias há uma semana em meio à fase mais aguda da pandemia no Brasil, Brasília ganhou pontos com a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) e é favorita a receber a final em jogo único da Copa Sul-Americana, o segundo torneio mais importante do continente.
A informação foi publicada primeiro pelo blog do Marcel Rizzo no UOL e confirmada pelo Correio Braziliense com fontes do governo do Distrito Federal. A oficialização deve ocorrer nas próximas semanas. As últimas duas decisões foram em Assunção e em Córdoba conquistadas, respectivamente, por Independiente del Valle (2019) e Defensa y Justicia (2020).

Na semana passada, a Conmebol abrigou na capital a decisão da Recopa Sul-Americana entre Palmeiras e Defensa y Justicia. Na véspera, recebeu o duelo de volta da terceira fase preliminar da Libertadores entre Santos e San Lorenzo. O estafe da Conmebol, que deixou Brasília fora da lista de sedes da Copa América 2019, no Brasil, gostou da logística da cidade e do tratamento dado pela Arena BSB, concessionária responsável pelo estádio Mané Garrincha, ao evento. Antes dos jogos internacionais, a arena havia recebido a decisão da Supercopa do Brasil entre Flamengo e Palmeiras.

Brasília se inscreveu para receber uma das decisões da Copa Sul-Americana até 2023 contra concorrentes de peso: La Bombonera( Buenos Aires), Monumental de Nuñez (Buenos Aires), Nuevo Gasometro (Buenos Aires) Libertadores de América (Avellaneda), El Cilindro (Avellaneda) Único (Santiago del Estero), Mario Kempes (Córdoba), Arena Castelão (Fortaleza), Beira-Rio (Porto Alegre), Arena Pernambuco (Recife), Arena Fonte Nova (Salvador), Monumental (Lima), Nacional (Lima) e Atanasio Girardot (Medellín). Como a Argentina será sede da final da Libertadores nesta temporada, o caminho ficou aberto para Brasília, que tem o Beira-Rio como maior rival.

Se oficializada, a final da Copa Sul-Americana será mais um evento internacional para a coleção da arena mais cara da Copa de 2014. Além do Mundial, estádio também abrigou Copa das Confederações, torneios de futebol dos Jogos Olímpicos do Rio-2016.

Fonte: Correio Braziliense

OUTRAS NOTÍCIAS

NOSSAS REDES

15FãsCurtir
8,187SeguidoresSeguir
- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS