Brasília, uma jovem Capital completando apenas 61 anos.

Jucelino e Lúcio Costam examinam planta.

O Presidente do Brasil Juscelino Kubitschek, na época de seu mandato, colocou em prática a realização do sonho de muitos que já viam há tempos defendendo a ideia de construir Brasília, a Capital do Brasil. Em 19 de setembro de 1956 foi sancionada a Lei no 2.874 que estabelecia a criação da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), que teria como seu presidente o Engenheiro Israel Pinheiro. Sendo assim, Brasília foi construída com os esforços de 4 sonhadores, são eles: Juscelino Kubitschek, Israel Pinheiro, Oscar Niemeyer e Lúcio Costa.

Juscelino lançou um concurso para escolher o melhor projeto arquitetônico e urbanístico para a nova capital. Projeto este de arquitetura e urbanismo que foi concebido a Lúcio Costa, em que Brasília seria no formato de um avião e ganhou o primeiro lugar.  Lúcio projetou as ruas e Oscar Niemeyer projetou os prédios principais, Brasília seria uma cidade organizada em um Eixo Monumental (o “corpo” do avião) que iria conter todos os edifícios do governo e duas “asas” (Asa Sul e Asa Norte) as quais iriam abrigar a população. De lá pra cá muita coisa mudou, mas muita coisa continua do jeitinho que eles fizeram.

Entre os encantos de Brasília estão os jardins criados por Roberto Burle Marx, conhecido como o inventor dos jardins modernos. Em seu trabalho, abriu mão de usar flores exóticas muito usadas no resto do país que compôs seus projetos de jardins públicos e particulares com a vegetação nativa do cerrado.

Brasília cresceu muito com seu conglomerado de Cidades Satélites, conhecidas como Regiões Administrativas. Hoje a cidade tem muito mais carros do que se previa à época de sua criação e uma população maior que recebe pessoas vindas de outros estados. Brasília é uma mistura de culturas regionais, sotaques, crenças, gírias e muitas outras coisas. Todavia, o Brasiliense conseguiu criar seu jeito único de ser, criando apelidos para a cidade (Quadradinho), dando nomes aos lugares, inventando formas de tratamento para falar com outras pessoas, afinal, só em Brasília você vai ver uma pessoa chamar de tia ou tio alguém que nunca viu na vida.

Passados 61 anos entre a concretização de um sonho e inauguração de nossa Capital, Brasília segue se reinventando sem perde seu charme, mas continua tão jovem que ainda não chegou na idade de tomar a vacina contra COVID-19.

OUTRAS NOTÍCIAS

NOSSAS REDES

15FãsCurtir
8,187SeguidoresSeguir
- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS